11 de abr de 2016

Resenha - Promessa de Sangue

Livro: Promessa de Sangue #04
Série: Academia de Vampiros
Autora: Richelle Mead
Editora: Agir
Páginas: 448
Gênero: Sobrenatural/Vampiros
Sinopse: "A vida da guardiã Rose Hathaway nunca será a mesma. O recente ataque a Academia St. Vladimir devastou todo o mundo Moroi. Muitos estão mortos. E, pelas poucas vitimas carregadas pelos Strigoi, o destino deles é ainda pior. Uma rara tatuagem agora adorna o pescoço de Rose, uma marca que diz que ela matou Strigoi demais para contar.Mas apenas uma vitima importa… Dimitri Belikov. Rose agora deve escolher, um de dois caminhos bem diferentes: princesa – ou, abandonar a academia para sair sozinha em uma caça para matar o homem que ela ama. Ela terá de ir ao fim do mundo para encontrar Dimitri e manter a promessa que ele implorou para ela fazer. Mas a pergunta é, quando a hora chegar, ele irá querer ser salvo? Agora, com tudo em jogo – e mundos de distancia da St. Vladimir e sua desprotegida e vulnerável, e recentemente rebelde, melhor amiga – Rose pode encontrar forças para destruir Dimitri? Ou, ela vai se sacrificar para ter uma chance em um amor eterno?"
* Atenção que contém SPOILERS de Tocada Pelas Sombras, Aura Negra e O Beijo das Sombras por ser o 4° livro da série*

Promessa de Sangue, 4° livro da Academia de Vampiro começa após Rose deixar São Vladimir e escolher Dimitri em vez da Lissa. Sem ideia ou plano algum, Rose parte atrás de algumas pistas que já tinha para tentar achar seu amado, agora Strigoi, e cumprir a promessa que fizeram um ao outro.

O livro é altamente denso para quem gosta do romance ou torce pelos dois juntos. No início vemos ela meio perdida pela Rússia, país de nascença do Dimitri, e tem uma quantidade absurda de informações novas . Aqui descobriremos sobre os alquimistas, aldeias de mulheres dampiras, a família Belikov e o quanto Rose ainda está abalada com a morte de seu amor. Ela ficou completamente sem rumo apesar de querer cumprir a promessa.

Destaque com toda certeza para a avó da família, Yeva, que nos deu uma leveza com o clima tenso e pesado do livro. As primeiras 100 páginas é praticamente o sofrimento da nossa protagonista sem direção. O bom disso foi que a Richelle pôde explorar mais a história e o ambiente em volta, enriquecendo a fantasia.

" - A vida é assim mesmo - disse ele - Conforme vamos crescendo e mudando, nossas experiências anteriores podem ganhar novos significados. Vai continuar acontecendo pelo resto da sua vida." pág. 183

A partir da metade do livro é que a coisa piora. Rose vai conseguir encontrar Dimitri e infelizmente daqui não posso falar nada sem soltar spoilers. Os dois nesse momento terão uma coisa meio gato e rato sabe? O Belikov tem um desejo, Rose não quer ceder de jeito nenhum, mas se não ceder pode provocar sua morte. E ainda assim ela quer matar ele. Aliás ele está COMPLETAMENTE diferente após sua transformação. Vemos outra personalidade e outra pessoa enquanto Strigoi. Uma cena linda e que podemos relembrar seu velho jeito é quando ele pergunta da sua família para Rose e a autora conseguiu transmitir que naquele lapso de momento ele voltou a ser o que era. É de cortar coração.

E mais uma vez Rose vai ter que escolher entre Lissa e Dimitri depois da metade para o final. O livro me ganhou por deixar um pouco a Dragomir de lado. Colocar a nossa dampira mais central na história fez o livro sair da sua zona de conforto, porém ao mesmo tempo que ajudou, prejudicou também. A parte inicial apesar de ter várias informações novas e legais, parece que ficou meio encheção de linguiça. Eu sei que a autora quis esse momento pra tentar fazer a personagem crescer e mostrar que não foi uma coisa repentina, porque isso foi mostrado gradativamente e corretamente, entretanto por pouco não ficou massante. Acho que se ela tivesse estendido um pouco mais ia ficar muito pior.

Eu senti muito mais firmeza no amor que Adrian sente pela Rose só agora no 4° livro. Aqui sim quem quiser pode shippar legal porque vai haver uma aproximação muito grande. Tem entrada de personagens que vão fazer uma conturbação na São Vladimir e a surpresa do ano é que SIM vamos saber quem é o pai da Rose. #fiquemdeolho

Enquanto que um triângulo amoroso ficou mais forte, Dimitri x Rose x Adrian, por outro Christian e a nossa princesa passam por um momento difícil.  Ainda sou team Dimitri. O plot deixado por essa história é angustiador. Acho que foi maior do que antecedeu esse porque enquanto que o outro te resigna, esse te deixa na expectativa. Momento alívio pois já tenho a série completa!

" - Longe dos olhos, perto do coração, Rose. Não quero deixá-la mal acostumada com minha companhia." pág. 54

A história me cativou por isso dei 5 estrelas no Skoob. Dos 4 livros, Tocada Pelas Sombras ainda é meu favorito porque de todos foi o que mais me deu enxurrada de emoções, porém Promessa de Sangue entrou ali do ladinho. Esse arco da história ficou como meu favorito. Definitivamente não estou me arrependendo de pegar essa série seguida e deixar meu planejamento do mês de lado.
E vocês, já leram algum livro da Academia de Vampiros?

2 comentários :

  1. Academia de vampiros não faz meu estilo de livros, porém lendo suas resenhas percebo que a estória em si e bem cativante, meche bastante com o leitor por ser algo imprevisível e ao meu ver cheio de revira voltas, e isso e um grande, o que me deixou um pouco confusa foi que as vezes achei que a autora amadureceu, e ao mesmo tempo não, pelo fato de me parecer que ficou meio forçado certas coisas, nada mudou na minha opinião, por isso ainda não tenho interesse em ler.

    ResponderExcluir
  2. Geralmente eu não curto triângulos amorosos, tem toda aquela agonia de não saber quem a "mocinha" vai escolher, ainda tem a possibilidade de eu shipar o casal errado kkk acho que esse livro tá todo trabalhado no drama kk
    Que bom que você está gostando dos livros, espero que continue assim, beijo :)

    ResponderExcluir