30 de mai de 2016

Literatura Fantástica #4

Depois de tanto tempo, vamos voltar com as indicações de livros por gênero. E hoje é dia de Fantasia, o gênero que mais ocupa minha estante e aquele que mais ostenta as temíveis séries na atualidade. É muito difícil definir e fechar o gênero porque pra cada pessoa fantasia pode ser subdividido ou não. Mas vamos a definição geral:

Fantasia é um gênero da ficção em que se usa geralmente fenômenos sobrenaturais, mágicos e outros como um elemento primário do enredo, tema ou configuração. Muitas obras dentro do gênero ocorrem em mundos imaginários onde há criaturas mágicas e itens mágicos. Geralmente a fantasia distingue-se dos gêneros ficção científica e horror pela expectativa de que ele dirige claramente de temas científicos e macabros, respectivamente, embora haja uma grande sobreposição entre os três, todos os quais são subgêneros da ficção especulativa.

E ai entra opinião pessoal minha. Pra mim fantasia se separa de sobrenatural. Acho que sobrenatural está enraizado no nosso cotidiano, como vampiros, lobisomens, anjos que ao meu ver se destaca de fantasia. Pode ser então um subgênero? Sim, entretanto fantasia pra mim se relaciona mais com objetos, itens mágicos, com seres humanos que possuem magias e coisas assim. Então vampiros, lobisomens, anjos, "monstros" em geral para mim é gênero sobrenatural. 

Exemplificando fica mais fácil: Crepúsculo? Sobrenatural; Harry Potter? Fantasia; Instrumentos Mortais? Fantasia; Percy Jackson? Fantasia; Calafrio? Sobrenatural. Feito isso vamos as 4 séries de fantasias que super indico. 

Sombras e Ossos (Trilogia Grisha)



É uma das poucas fantasias no mercado completamente diferente. Utilizando-se de mitologia russa, Leigh Bardugo nos leva num mundo onde existe Grishas, pessoas que conseguem manipular elementos da natureza, em outros casos elementos da humanidade, e pessoas que não possuem poderes. Alina era uma pessoa que não tinha poderes até que em seu trabalho como cartonista de uma base militar, ela teve que passar por uma passagem chamada Dobra, uma área perigosa que tem seres que se "alimentam" das pessoas e que raramente saem vivas, descobre que também é uma Grisha.

A série de modo geral, irá contar essa descoberta dela e  de como vai se adaptar nesse mundo, além de aventuras e situações que acaba se metendo por tornar-se uma Grisha. Eu recomendo MUITO. Todas as séries que irei falar aqui, ao meu ver, se tivessem um pouco mais de marketing estourariam. A escrita é fluida, leve e que te leva pra outro mundo. No primeiro livro você se sente um pouco confuso porque é uma coisa construída que você nunca viu, então vai demorar a absorver tudo, mas depois que você passa isso e anda no fluxo da história você vê como ela é boa. Se eu pudesse seria uma das primeiras séries a entregar a todo mundo que é fã de fantasia. Ela foi lançada aqui no Brasil pela editora Gutenberg e já está completa. Leigh lançou ano passado lá fora um livro que também se passa no universo Grisha (Six of Crows) ainda sem previsão por aqui. Também será lançada pela Gutenberg.

Sombra e Ossos (resenha do blog aqui)


Os Garotos Corvos (A Saga dos Corvos) 



Não tem como citar fantasia e deixar de falar de Maggie Stiefvater. Os Garotos Corvos irão falar de 4 amigos: Noah, Gansey, Adam e Ronan que estão atrás de uma linha Ley (uma espécie de linha mágica) onde está enterrado o rei Glendower a quem eles querem despertar. Paralelamente temos a Blue, uma menina que vem de uma família que possui uma clarevidência, porém ela é a única que não tem. Ela só possui o dom de amplificar os poderes de sua mãe e suas tias. Em todos os anos no dia de São Marcos, ela vai com sua mãe até uma igreja para ajudá-la a ver quais pessoas iriam morrer naquele ano. A surpresa é que Blue vê uma pessoa, um garoto, e ele fala com ela. E futuramente na história ela acabará tendo sua vida interligada à esse garoto.

É incrível como a Maggie faz um universo completamente diferente e novo. Sua imaginação e fantasia são tão incríveis que quando você ler um, você já que ter os outros três na sua mão. É a minha série favorita de fantasia e antes da pessoa falar já estou indicando ela. A escrita da autora é difícil de engrenar no primeiro livro, mas depois que você passa, você devora o restante. Acho que é o mesmo caso com Sombra e Ossos que por ter que apresentar um universo completamente novo, são muitas informações para ser passada e a história andar. Tenho uma paixão enorme pela personalidade  e a personagem Blue e amizade que os 4 garotos tem. O último livro, The Raven King (em tradução literal O Rei Corvo) está previsto para ser lançado no Brasil ainda esse ano (mais para 2° semestre, possivelmente Agosto) e é o que vai fechar a série. Estou muito ansiosa aguardando pois o 3° terminou com um plost de morrer o coração e que com certeza vai fazer o 4° começar acelerado.


A Rainha Vermelha



Uma das apostas de 2015 da Editora Seguinte, A Rainha Vermelha é uma mistura de A Seleção com Jogos Vorazes e para alguns lembram outros livros. O fato é: ele pode ter resquícios de qualquer outra história, porém de uma forma ele é único. A Rainha Vermelha vai contar a história de Mare Barrow, uma menina que possui sangue vermelho, pessoas consideradas pobres e sem poderes, que ao ir trabalhar para os prateados, a nobreza que possui poderes, descobre que tem um poder e ainda tem sangue vermelho. O livro vai trazer toda essa trajetória de descoberta de poderes e a briga de dois príncipes, Cal e Maven, que terá consequências na ação da garota. De segundo plano, temos os problemas políticos que a realeza sofre e que indiretamente Mare vai fazer parte.

É um livro de segurar o coração do início ao fim. Victoria conseguiu fazer uma trama que te prendesse das primeiras páginas até o final, e ainda te traz choque e surpresa a cada reviravolta. Não gostei muito de Espada de Vidro, 2° livro da série, entretanto seu final e o plost pro último livro é angustiante. Recomendo muito porque além de todos esses motivos, tem séries que é legal você acompanhar ela sendo escrita e A Rainha Vermelha entra nesse quesito. Ainda para ser lançado o último (previsto para 2017 tanto no BR como lá fora), essa série foi uma surpresa boa para todo mundo.

Espada de Vidro (resenha do blog aqui)

A Maldição do Tigre 



É uma série que reúne vários elementos pra agradar um grande público. Romance, aventura, fantasia tudo junto e misturado. Colleen me fez amar conhecer a cultura indiana, viajar por vários lugares, amar tigres brancos e negros e me fez devorar esses livros. Apesar do 2° livro ser um lento em relação ao outros, todos se entrelaçam e fecha bem a série.

A Maldição do Tigre vai contar a história de Kelsey, uma menina que vai trabalhar em um circo na sua cidade. Lá ela conhece a maior atração deles que é o tigre branco. O que ela não imaginava é que tinha acabado de quebrar um pouco de uma maldição que aquele tigre estava preso - o tigre era um homem. Ao descobrir que é a única capaz de quebrar a maldição, ela embarca numa aventura que à leva a lugares não imaginados.


Fantasia é um gênero enorme com vários elementos. Se eu quisesse eu faria uma enorme lista aqui e indicaria mais. Porém quis falar mais desses pois acho séries promissoras e que não foram bem divulgadas.

E ai quem ficou com vontade de ler alguma dessas séries? Ou quem sabe me indicar uma nova? Deixa aqui nos comentários (;

7 comentários :

  1. Oiii linda tudo bem?
    Eu morro de vontade de ler a maldição do Tigre, tenho apenas o segundo volume e espero comprar os outros assim que der. Rainha vermelha não consigo gostar de nenhuma maneira, e referente as outras não conhecia e adorei ter tido essa oportunidade de saber mais sobre.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Esse gênero é um dos meus favoritos mesmo. Dessas dicas que você citou amo muito A maldição do tigre, A rainha vermelha e os Garotos Corvos. Sombras e ossos está na minha lista de desejados e ainda pretendo ler esse ano mesmo.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  3. Olá Carol!
    Amo fantasia! É um dos meus gêneros favoritos, e tenho muita vontade de ler A Maldição do Tigre, os outros parecem ser legais mas não sei se leria por agora.
    Valeu as dicas.

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. é, compartilho de seu pensamento... quando tem algo mais voltado pro Horror e tals eu não considero Fantasia... Fantasia me remete a RPG, coisas épicas, itens mágicos, dragões e etc... bem, eu curto o gênero, mas não sinto interesse nas séries que você indicou... tentei ler A maldição do Tigre mas a escrita não me agradou... =T
    bjs...

    ResponderExcluir
  5. AAAAAAAH QUE POST MAIS LINDO <3 Eu ainda não tinha ouvido falar de Os garotos corvos, mas fiquei interessada. A maldição do tigre e já amei e o resto também já queria ler. Eu amo fantasia, leria só isso se pudesse kkkkkk

    ResponderExcluir
  6. Carol, amei seu post pelo simples motivo de que sou apaixonada por fantasia.
    Eu tenho a rainha vermelha e estou louca para ler.
    Morro de vontade de ler a série dos Garotos corvos.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  7. Olá flor, adorei as dicas...dentre as que você apresentou estou curiosa para conferir a trilogia Grisha. A saga do tigre minha mãe já leu todos os volumes e adorou, mas confesso não ter tanta curiosidade assim.

    Abraços

    ResponderExcluir