30 de mai de 2018

[Resenha] Rebelde/Um Mundo Novo

em 30 de mai de 2018

25 comentários
Livro: Rebelde / Um Mundo Novo #6
Série: Coleção MacGregor
Autora: Nora Roberts
Editora: Harlequin Books
Páginas: 320
Gênero: Romances de Época
Nota: ⭐⭐⭐⭐
No século XVIII, uma época em que combates sangrentos eram travados em nome da honra, as mulheres MacGregor passaram por muitas dificuldades para defender sua família. Em meio a tudo isso, duas integrantes do clã se destacam. Serena MacGregor acaba se envolvendo com um suposto inimigo, o inglês Brigham Langston. Encontrar dentro de si o que será necessário para viver esse amor exigirá muita coragem... mas isso é algo que Serena tem de sobra.  Anos depois, o jovem soldado Ian MacGregor se vê à beira da morte e acaba encontrando Alanna Flynn, que além de salvar sua vida o ensinará que, às vezes, as maiores batalhas que enfrentamos são aquelas que ocorrem em nossos corações. Em Rebelde e Um mundo novo, Nora Roberts nos encanta com o passado da família MacGregor, mostrando que, independentemente dos lados no campo de batalha, quando se trata de amor ele sempre vencerá.

Fiquei feliz quando descobri que Rebelde/Um Mundo Novo iria retratar a história dos MacGregors sendo um romance de época. E melhor ainda, seria um romance de época de escoceses. Com dois subgêneros favoritos, não poderia ser para menos que eles me encantariam. Duas histórias semelhantes e que interligam-se de modo fenomenal.

Ambientadas no século XVIII, Rebelde nos traz o envolvimento de Serena MacGregor com Brigham Langston. O segundo sendo inglês — tipo de pessoa que Serena detesta por tudo que o país já fez e faz com sua família — ela se verá travando uma batalha interna entre o coração e a razão, afinal a guerra se aproxima e coragem terá que ter de sobra. Em Um Mundo Novo, conheceremos Ian MacGregor e Alanna Flynn. Numa manhã gelada, Alanna acaba encontrando Ian desacordado e ferido no seu celeiro. Cuidando para que este guerreiro escocês não morra, ela perceberá que às vezes o amor está onde menos imagina. Mas também passando por um duelo interno, ela terá que escolher entre viver o amor desejado ou deixar que seus medos falem alto. 


Nora Roberts tem uma escrita fácil e fluida de ler. Os romances que escreve são tão excepcionais, que você lê e o tempo passa sem perceber. Isso vem se perpetuando em toda a série, entretanto aqui consegui captar um toque especial. Tratando-se de um enredo Highlander no meio do conhecido Levante dos Jacobitas, o desenvolvimento floresce. 

Trazendo informações históricas verídicas, esse fator é um ímpeto para conhecer a obra. Todo seu trabalho de pesquisa é primoroso, e as cenas de lutas/guerras são fantásticas. É um prato cheio tanto para aqueles que conhecem esse episódio da História da Escócia quanto para aqueles que tem curiosidade. 

"Queria dar-lhe um vestido de seda e joias para combinar com os olhos azuis. Eram noções românticas e sentimentais, Ian sabia. Certamente se engasgaria com as palavras se tentasse dizê-las em voz alta." pág. 274, Um Mundo Novo

E com um ambiente de fundo realístico, fica fácil a construção de romances com pitadas de proibido. Não nego que adoro. Em ambos os casos temos protagonistas de temperamentos fortes e teimosas, o que dá aquele ar de tensão da trama, além das cenas hilárias. É um junção que funciona demasiadamente e que em doses certas torna a construção dos casais adoráveis.

Em Rebelde com uma escocesa e um britânico, é onde teremos maior destaque deste elemento explosivo. Sendo o principal cerne do drama o não permitido, a balança entre o cômico e o motivo de preocupação para esta questão foi bem explorado. Serena com o sangue escocês na veia representou belamente a personalidade dos guerreiros: a ação fala mais alto que a razão. Já no segundo casal, a dúvida está interligada a um guerreiro versus vida pacata que teve também sua importância explicada. Confesso que essa dupla foi a que me conquistou melhor. 


Temos uma sucessão de acontecimentos e reviravoltas para a evolução de um romance, e não foge muito desse ciclo. É aquela estruturação conhecida — introdução, se apaixonam, ápice, drama e resolução — que não deixa de ser algo maravilhoso, e ainda temos um diferencial que é o conjunto apresentado. Não é raso nos aprofundamentos dos sentimentos. Conseguimos captar e sentir a dor dos personagens além de um ambiente de fundo que complementa — partes das cenas são em guerras, em combates, explicando um pouco como foi o levantamento jacobita — adicionando momentos de intriga para o livro.

As duas aventuras são conectadas por isso não aconselho a leitura fora de ordem, e temos uma discrepância em relação ao número de páginas. Enquanto que Rebelde tem um evolução detalhada, Um Mundo Novo é dinâmico — não no sentido negativo. As situações são mais simples de se resolver. 

"Estava apaixonado por Serena. Deixando escapar um longo suspiro, observou-a até que ela tivesse sumido ao subir para a casa principal. Estava apaixonado, pensou novamente, e Serena o atacaria com um punha em seu coração antes de entregar o próprio a ele." pág. 78, Rebelde

De uma forma geral fãs de romances de época irão adorar. Saio completamente encantada e arriscando a dizer que é o melhor volume da série. Não cansa, e saímos com a sensação de ter conhecido algo fantástico. Nora Roberts sabe onde prender o leitor, dosar em cenas sensuais, mostrar a evolução da paixão para o amor e até mesmo demonstra uma preocupação com o mundo inserido — tanto em fatos históricos, como vestimenta, alimentação e locais. Recomendadíssimo.

Na parte física apesar de não ser fã dos tons rosas, para o título foi adequado e emparelha com o conteúdo. É simples, todavia passa a mensagem com clareza. Da série é a minha favorita. A diagramação segue o padrão encontrado anteriormente, sem nenhum erro de revisão ou ortográfico. A narrativa em ambos os casos são em terceira pessoa por pontos de vistas alternados dos protagonistas.


Que eu irei continuar a coleção isso com toda certeza. Para quem nunca tinha lido nada da Nora Roberts anteriormente, estou me saindo quase uma fã por causa da série. A editora ajuda ao manter uma regularidade nos lançamentos, o que adoro. Pretendo trazer em breve outras resenhas para vocês desta família — enorme diga-se de passagem. Lembrando que é uma série, porém os volumes são independentes! Podem ser lido fora de ordem, assim como eu fiz. Espero que tenham gostado!

E vocês, já leram algum volume da série? Algum livro da Nora Roberts? Tem curiosidade? Deixa nos comentários! 

25 comentários :

  1. Ainda não tive a oportunidade de ler algo da Nora, morro de vontade, apesar de não ser o estilo que sempre busco ler, mas é bom variar às vezes, não é? Só não sei se conheceria sua escrita através dessa série, mas pelo fato de já serem 6 livros, pelo que vi, mas quem sabe. Adorei a resenha, parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Adorei as fotos, bem batidas e muito lindas.
    Quanto ao livro, bem... Dei uma parada com romances de épocas. Nada contra o gênero, apenas enjoei, li muitos. Mas, essas resenhas estão vindo a calhar, pois assim que retomar minhas leituras já terei várias dicas de vocês.
    anotado!
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  3. Às vezes sinto que ao invés de me atrair tendo tantos livros de um mesmo autor, me afugenta isso sim. Nunca li nada desta escritora e com tantos livros e coleções ficaria perdida em qual ler primeiro. Quem sabe num futuro darei oportunidade para ela... Ainda tenho minhas dúvidas. Beijos

    Nara Dias
    Viagens de Papel

    ResponderExcluir
  4. Gostei da capa, e parace ser maravilhoso o livro. Amo livros de época, o fator ruim pra mim é ser em 3 pessoa, mas já li alguns que são tão gostosos de ler que nem me importo tanto, geralmente esses livros de epoca sempre me conquistam.
    Amei a indicação e resenha.
    um beijo

    www.chuvanojardim.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Ana, eu não conhecia esta coleção da Nora. Ainda não li nada dela, apesar de ter vários livros da autora. Que bom que tu gostou, vou adicionar a infinita lista de desejados.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oiê, infelizmente tive que fazer uma leitura rápida da sua resenha, pois por oncrincr que pareça estou lendo esse livro atualmente, por esse motivo estou evitando ler muitas resenhas, até porque também vou resenha-lo!♥️ Mas Nora é uma autora que sempre arrasa em seus livros.

    ResponderExcluir
  7. Vamos as coisas que esse livro trás de novo para mim: Primeiro que eu nunca li nenhum romance de época da Nora Roberts, menos ainda escocês de qualquer outro autor, depois que esse livro são dois em um e eu nem imagina isso, então eu preciso ler esse livro. Saber que o romance tem como fundo fatos históricos da Escócia me anima e torna a leitura rica. Da mesma forma que me anima saber que o segundo livro bem cheio de reviravoltas, ainda mais com a habilidade de conectar os dois romances. Quero muito ler.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Nunca li nada da Nora, vejo muitos comentários positivos pelas obras dela. Muitos livros dela estão nos meus desejados, espero gostar.
    Gostei muito das fotos e sua resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá! Sou uma das poucas que conheço que ainda não leu nada da autora. Justamente as histórias sobre a família McGregor é o que mais me chama a atenção. Pelo que você falou, ela sabe surpreender.
    Bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  10. Acredita que nunca li nada da Nora Roberts?! Vejo muita gente falando super bem das obras dela e agora sua resenha me deu mais vontade ainda de conhecer a escrita da autora. Adorei!

    ResponderExcluir
  11. Olá, da série eu já li "Hoje e sempre", foi meu primeiro contato com a escrita da autora e também a achei bem fluida. Pela sua ótima resenha eu acho que vou gostar também desse livro.

    ResponderExcluir
  12. Oi Ana tudo bem? Já li duas trilogias da Nora e eu realmente adoro "trilogia da Magia" e "trilogia da Fraternidade" foram realmente fantásticas, são meus xodós. Eu venho acompanhando sobre esse livro e estou muito curiosa por ler, parabéns pela sua resenha, deu para perceber sua sinceridade e como deve ter gostado de ler. Obrigado pela dica, bjs!

    ResponderExcluir
  13. Eu estou morrendo de curiosidade com essa série e adorei a sua resenha sobre esse volume, não vejo a hora de ler! Eu amo os romances da Nora, são tão envolventes! Já li dois livros dela de terror e adorei também.

    ResponderExcluir
  14. Oiieee

    Que linda as capas desses livros. Fiquei curiosa com a trama, parece ser bem gostoso de ler. Nunca li nada da Nora Roberts, quem sabe eu inicie por essa série.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  15. Oi Ana.

    Eu acompanho muita resenha de romance de época da Nora Roberts, mas ainda não tive oportunidade de ler, mesmo gostando do gênero. Infelizmente ainda não li nenhum livro dessa coleção, mas vou deixar a dica anotada. Quem sabe eu consiga adquirir todos os livros, pois sua resenha desperta interesse pela história. Parabéns pela resenha.

    Bjos
    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Eu nunca li nada da Nora Roberts, mas confesso que me impressiona o fato dela transitar por tantos gêneros diferentes em seus livros. Eu nunca tinha ouvido falar sobre nenhum de seus romances históricos, mas esse pareceu ser bem interessante. Além disso, gostei de saber que ela fez um bom trabalho de pesquisa, pois acho que essa ambientação histórica mais realista deixa a leitura ainda mais rica e interessante.
    Adorei a resenha e já anotei a dica para conhecer essa série.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Confesso que a minha experiencia com a autora não foi das melhores, eu nunca consegui gostar de um livro dela apesar dos elogios incessantes. Mas essa história em si está me chamando a atenção, quem sabe no futuro eu leia, pois na lista já está. Adorei conferir seu ponto de vista.

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Sempre que vejo uma resenha de um livro dela, ficou com uma vontadezinha de ler. Ainda mais vc dizendo que tem uma escrita leve, sempre penso que vai ser meloso e desanimo rs. Quem sabe?
    Bjos flooor

    ResponderExcluir
  19. Quantos livros essa mulher escreveu menina? Ela está parecendo a Agatha Christie dos romances...kk
    Achei muito interessante a sua indicação, tenho amigas que amam e já leram vários livros da autora, eu ainda não encontrei nenhum livro dela que chamasse a minha atenção a ponto de comprar e ler a obra, mesmo lendo resenhas falando super bem da escrita dela.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
  20. Oii!
    Ainda não conhecia o livro! Este é um gênero que estou vendo muita gente lendo bastante, mas admito que no momento não me atrai hehe
    Gostei da premissa!
    Ótimo post, parabéns!

    by: atravesdaescrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Olá Ana!
    Menina,estou louca querendo conferir essa série da Nora, só tive oportunidade de ler a série "Quarteto de Noivas" da autora e desde então quero ler mais livros da autora, estou na vibe de romances de época/históricos, gostei da sua resenha, trazer fatos históricos é enriquecedor. Espero ler em breve esse livro!

    beijos!

    ResponderExcluir
  22. Tô amando essas capas da Harlequin, sendo Nora já tenho muita vontade de ler, sendo romance de época e escoceses mais ainda... Amei ler a sua resenha e conhecer um pouco da história!

    ResponderExcluir
  23. Olá!
    Adorei as fotos, bem batidas e muito lindas.
    Quanto ao livro, bem… Dei uma parada com romances de épocas. Nada contra o gênero, apenas enjoei, li muitos. Mas, essas resenhas estão vindo a calhar, pois assim que retomar minhas leituras já terei várias dicas de vocês.
    anotado!
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  24. Oi Ana Caroline! Tudo bem?
    MEU DEUS, eu não consigo ver outro autor que puxe mais corda de novas tramas que a Nora Roberts, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk! (Mentira, eu faço a mesma coisa, rs.) Achei que a série dos MacGregors tinha terminado em "Hoje e Sempre", mas ela resolve mexer no fundo do baú e pegar as revoltas escocesas. Rapaz, assim até eu fico querendo ler!
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  25. Olá tudo bem? Adoro a escrita da autora me tornei meio que fã dela, confesso que faz um tempinho desde minha ultima leitura mais adoraria conhecer mais sobre esse livro adorei a dica, beijos!

    ResponderExcluir

Olá! Colocar um comentário me deixaria muito feliz pois saber sua opinião é essencial para o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre :)

TOPO