2 de mai de 2018

Livros Quase Abandonados

Fazer essa postagem surgiu de um momento em que admirando minha estante, notei que eu possuía um número considerável de livros que li, no entanto quase abandonei. Sabe aquele livro que vocês começam a leitura pela primeira vez e não funciona, mas quando retornado no momento certo flui e torna-se uma leitura prazerosa?! Eu tenho a mania de persistir com certas histórias pois noto que ela tem potencial e não foi adequada na situação inicial. Alguns desisto logo de cara já outros tento uma primeira vez — algumas até três vezes — e em algum momento acaba deslanchando. Então vamos conhecer quais livros fizeram essa postagem surgir?!

Sonhos com Deuses e Monstros, Laini Taylor


Terceiro e último da trilogia Feita de Fumaça e Osso, foi extremamente difícil dar continuidade. Com o total de duas tentativas antes de engrenar, o início arrastado e não tão conectado com o final do segundo foi o principal empecilho. É um livro considerado calhamaço, então a "introdução" no enredo das 100 primeiras páginas é muita lenta. Meu maior problema foi conseguir me conectar com a história — demorei quase 1 ano para pegá-lo novamente — e quando isso ocorreu, ganhou-se um novo olhar sobre o enredo, tornando-se algo único e fantástico. É o meu favorito da trilogia!

Herdeira do Fogo, Sarah J Maas


Após 3 tentativas frustradas que estavam me afastando de dar continuidade na série, Herdeira do Fogo enfim saiu da lista dos abandonados. Após um volume 2 horrível — Coroa da Meia-Noite na minha opinião é o pior de Trono de Vidro — foi difícil querer dar continuidade. Nas tentativas iniciais não saia das primeiras 80 páginas, e quando me determinei a lê-lo ou abandonar de vez, o desenvolvimento andou. Hoje é um dos meus favoritos de Trono de Vidro, e divisor de águas no enredo da nossa personagem principal. Este volume é um dos que se encaixam perfeitamente na questão momento ideal. Sair de um volume antecessor decepcionada querendo que o próximo deslanche logo na primeira página é realmente difícil.

A Guardiã de Histórias, Victoria Schwab

Meu maior problema com A Guardião de História foi me acostumar e entender a forma de evolução/estruturação da autora, o que se demonstrou mais penoso ainda com um início lento. Abandonado duas vezes antes de engatar, temos um desenvolvimento promissor, entretanto que demora a aparecer. Desisti em menos de 50 páginas em ambas vezes, talvez tenha colaborado para ele estar aqui pois eu não dava muito para a trama. Ainda tenho ressalvas com a obra, contudo no geral foi algo bacana de ler.

O Resgate do Tigre, Colleen Houck


Sabe aquelas situações que você toma raiva das decisões da protagonista?! O Resgate do Tigre existe para servir de exemplo. Após um final arrasador de A Maldição do Tigre, não tinha nem coragem de olhar o livro na estante. Abandonado somente uma vez — para ver como o ranço foi grande — só retornei quando anunciaram a vinda da autora para o BR, e como queria concluir a série, me arrisquei. Diferente de alguns citados anteriormente, este é um dos piores volumes da saga dos Tigres na minha opinião, e li somente para finalizar a série. Tem alguns plots twists interessantes, porém é realmente doloso ler certas cenas porque a protagonista tomou a pior decisão. Você chega até se cansar de tantas atitudes questionáveis.

Promessa de Sangue, Richelle Mead


Outro livro de saga, desta vez Academia de Vampiros, chegou a ser abandonado por causa de acontecimentos no volume antecessor que me fizeram ter receios de continuar. Neste caso, uma situação que não queria concretizou, e com isso fiquei com medo do que poderia ocorrer nos sucessores, além do momento não ter favorecido — estava nos primeiros períodos de faculdade e não sabia o nível de dificuldade que era. Acabou sobrando para A Promessa de Sangue que chegou a ser lido até metade no primeiro e único abandono. Após isso, dei uma pausa grande na série como todo, e aproveitei mais a frente para fazer um projeto de releitura. A série foi finalizada.

Sempre, Maggie Stiefvater


Sempre tenho até vergonha de falar que abandonei, todavia justificado pelo não momento ideal — a faculdade e sua "pressão" de trabalhos e provas — que me fizeram largar lá pela metade. Cheguei a ler boa parte do livro entretanto só pude retornar definitivamente e com mais liberdade alguns meses depois. É um ótimo finalizador de Os Lobos de Mercy Falls só que gera controvérsias entre os que leram.

A Prisão do Rei, Victoria Aveyard


Terceiro livro da série A Rainha Vermelha. Precisei dar uma respirada de 3 meses durante a leitura, para aceitar as escolhas que a autora colocou na história. Sério, foi uma das piores leituras da minha vida já realizadas no sentido que a autora ia pelo caminho contrário do qual queria. Passei bastante raiva durante a primeira leitura, e após buscar spoilers de propósito, consegui terminá-lo. Ainda tem uma dorzinha bem grande no coração, entretanto espero realmente que Tempestade de Guerra apague os erros cometidos em A Prisão do Rei. 

Essa é a minha listinha da quase vergonha. Alguns fico bem feliz em ter ido até o final outros possuem ressalvas, contudo é positivo ver a força de vontade de acabá-los. Alguns com até três abandonos é realmente assustador, só que por sorte algo me fez continuá-los e agora estão como lidos. Torço que essa lista não cresça. Espero que tenham gostado!

E vocês, já quase abandonaram algum livro? Ou uma leitura não funcionou naquele momento e meses depois deslanchou? Deixa nos comentários!

16 comentários :

  1. Oi Ana, eu não gosto de abandonar livros, mas uma leitura que não consegui concluir e acho que nunca voltarei a tentar, é 50 tons de cinza. Eu tenho algumas inacabadas, como "S" e "Serial Killers", mas com certeza, vou voltar a hora que der, foram leituras coletivas que iniciei e não consegui acompanhar o cronograma.
    Destas que tu citou, eu só li "Academia de vampiros" os dois primeiros livros, e até que gostei um pouco. Mas quando não flui, não adianta.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Tenho alguns livros assim também e quando retomo normalmente são livros bons. Mas isso acontece depois de muito tempo, o último levou 3 anos para eu retomar. Não conheço nenhum dos livros que mencionou e em sua maioria nenhum me chamou atenção, mas gostei do livro A Guardiã de Histórias, apesar de não gostar de livros lentos. Vou pegar como dica, vai que leio e gosto.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?

    Tenho alguns livros assim na estante. O meu "defeito", digamos assim, é que eu dou apenas duas chances. Se não rola, coloco para trás e vou lendo os que quero.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá...
    Eu tenho vários livros que quase abandonei também! Ultimamente ando numa batalha com REENCONTRO EM PARIS, acho que vou acabar abandonando, pois, tá complicado kkk

    ResponderExcluir
  5. Olá!
    Que postagem maravilhosa. Acho que na minha estante tem vários que entram nesse quesito e isso é terrível de dizer, mas é verdade.
    Prisão do rei é um livro que tenho na estante esperando a leitura, comprei no lançamento e até agora nada. Mas estou focada em ler os livros que tenho na estante esse ano, o problema é que sempre compramos mais né..hahaha.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  6. Olá! Aconteceu comigo com o livro "A sombra do vento" do Zafon.. Na segunda chance ele deslanchou e o autor se tornou o meu favorito.

    Acho q é a segunda vez q vejo o "a guardia de histórias numa lista como essa..ainda sim acho o enredo bem interessante haha

    Beijos,

    ResponderExcluir
  7. Boa noite!
    Sabe que eu nunca abandonei um livro e voltei a pegar, assim? Eu mesmo não curtindo muito vou até o final, e talvez seja algo errado a fazer, porque as vezes você só não está em um bom momento para aquela leitura funcionar para você, não é?
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Ana tudo bem? Tenho que confessar tenho 3 livros neste mesmo problema, eu espero quase 1 ano para reiniciar a leitura, mas faço metas também, para ler pois sou persistente kkk, parabéns por ter ido até o fim, e alguns anotei a dica. Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Hey, tudo bem?
    Adorei sua postagem, eu já passei por essa situação em relação a alguns livros. Dos que você citou em sua postagem, já li O resgate do tigre, mas não tive o mesmo problema que você com relação a essa obra, pois devorei o livro. Estou louca para ler a continuação de Trono de Vidro.
    Beijos,
    https://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  10. Menina, quantos livros abandonados! Estou adorando a série trono de vidro. Uma pena que não tenha rolado contigo.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  11. Oie!

    Conheço a maioria das obras que você citou, algumas nem chego perto porque sei que irei abandonar em algum momento, outras tenho curiosidade de conhecer a história e espero mudar isso logo!

    E eu não tenho vergonha de abandonar as leituras, se for preciso faço isso sim, existem muitas obras boas para ficarmos presas em histórias que não funcionam com nós!

    Bjss

    ResponderExcluir
  12. Apesar de conhecer a maioria dos livros que vc citou, eu nunca li nenhum deles... Acho que todo mundo passa pela situação de quase abandonar um livro, sempre que percebo que a leitura não está fluindo, prefiro deixar o livro um pouco de lado e depois retomar e ver o que rola... na maioria das vezes, dá super certo!

    ResponderExcluir
  13. Oi, Ana ^^
    Achei interessante o post. Você enveredou por um caminho que não tinha visto ainda na blogsfera literária. Refleti vendo minha lista de lidos no Skoob e acabei percebendo que o único que lembro é A DANÇA DA MORTE, do Stephen King, que atualmente é uma das minhas leituras. Meses atrás abandonei por estar me perdendo com a quantidade absurda de detalhes. Retomei agora sob um novo prisma. Estou anotando o resumo dos capítulos com informações relevantes. Espero concluir esse desafio com êxito.
    Percebi que mais abandono do que volta a leitura da obra. Acredito muito em tempo ideal da leitura, sabe. Quando se tem muitos livros para ler na estante temos essa liberdade de postergar a leitura mais para o futuro.
    Gostei bastante do post. Espero que ele inspire outros blogueiros literários a concluir aquela leitura abandonada. Eu mesmo me vi tentado a ler de forma digital aqueles livros que desisti e segui adiante para outro leitor.
    Abraços. ^^

    ResponderExcluir
  14. Quase abandonar? sim, alguns, sei como se sente, a gente pensa um bocado se realmente vai voltar e encarar aquele livro kkkkk

    ResponderExcluir
  15. Já quase abandonei tantos que hoje me arrependo de não ter abandonado realmente, seguindo com outras leituras. Desses livros que você selecionou, só li O Resgate do tigre e sou completamente apaixonada pela série, mas concordo com você, esse não é o melhor da série, no meu caso, amo mais o terceiro volume! rsrsrs

    ResponderExcluir
  16. Ola lindona é engraçado com tem certos momentos que a leitura ão flui, em contratempo em outros lemos e amamos o livro, estou com todos livros da série do Trono e acredita que não li nenhum ainda. a maldição do tigre confesso que comecei a ler e parei, irei fazer como você e tentar novamente. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir

Olá! Colocar um comentário me deixaria muito feliz pois saber sua opinião é essencial para o blog. Espero que tenha gostado e volte sempre :)